Saltar para o conteúdo principal
Evento terminado - Perdeu este evento Veja estas próximas seleccionadas a dedo!Para obter informações sobre eventos anteriores, basta deslocar-se para baixo.

Outros eventos deste organizador

A carregar...

 
 

Outros eventos desta categoria

A carregar...

 
 

Eventos recomendados

A carregar...

 
 

Blanca es la Noche (Branca é a Noite) | Ana Woolf (AR)

O evento terminou

Blanca es la Noche (Branca é a Noite) | Ana Woolf (AR)

De EUR 5.00

Localização

Data

Nov 01 2023 21:00 - 22:00
Billetto Peace of Mind
Reserve com confiança: a Billetto assegura o reembolso de eventos cancelados, garantindo a sua tranquilidade. Saber mais
Métodos de pagamento aceites:

Descrição

“Blanca es la Noche” é inspirado em poemas de Hilda Hilst e na história da poeta italiana Alda Merini, que passou anos da sua vida num hospital psiquiátrico, tendo conseguido sobreviver graças à escrita dos seus poemas. O conto “Miss Algrave”, de Clarisse Lispector foi, também, fundamental para a construção da dramaturgia: “numa noite de lua cheia, uma mulher experimenta uma revelação de amor”. Será mentira? Ou será a lembrança dolorosa de uma memória de infância criada, imaginada, como a única possibilidade de continuar a viver? A história da personagem não pode ser partilhada, porque ninguém acreditaria nela, nem a ficção, nem, talvez, a sua própria verdade. As suas palavras permanecem fechadas, afogadas no seu corpo. “Estou na noite, até que a lua brilhe e a noite fique branca. Até que os passarinhos trancados na minha cabeça possam voar transformados em palavras”.


Ana Woolf é pedagoga, actriz e encenadora. Nascida na Argentina, formou-se na Escola de Arte Dramática de Buenos Aires e especializou-se em Antropologia Teatral com Eugénio Barba, do Odin Teatret (DK), e pela ISTA (International School of Theatre Anthropology). É co-fundadora e directora artística da Red Magdalena 2.a Generación, uma rede latino-americana de mulheres artistas, vinculada à rede internacional The Magdalena Project. É colaboradora internacional do Odin Teatret e trabalhou como assistente de encenação de Eugenio Barba em vários projectos internacionais: “Ur- Hamlet”; “El Casamiento de Medea”; “La Vida Crónica” e “Si el Grano no Muere”.

Desde 2011, promove um trabalho intenso na Argentina e na América Latina e dá formação a nível mundial. Lecciona na ISTA, onde desenvolveu um treino especial baseado em técnicas orientais e ritmos latino-americanos: “A presença cénica do corpo/voz”. Trabalha, também, como encenadora, com actores profissionais em diferentes países e é autora de múltiplos artigos de reflexão, sobre arte teatral e feminina, publicados em diferentes revistas de crítica de Teatro mundiais (Cuba, Argentina, Dinamarca, Nova Zelândia, Itália). Dirige e colabora com várias companhias internacionais, de França, Itália, Dinamarca, Brasil, Bolívia, Colômbia, Peru, Taiwain, Índia, Malásia, entre outras. Foi, ainda, tradutora de obras de Julia Varley, Eugenio Barba, Iben Nagel Rasmussen, Mirella Schino e de outros autores de artigos sobre teatro.


Ficha Artística

Dramaturgia e encenação: Julia Varley

Interpretação: Ana Woolf

Desenho de luz: Fausto Pro

Música: Hector Villa Lobos, Marianne Suner, Eléonore Bovon

Produção: Fondazione Barba Varley (Itália); Magdalena 2.da Geração (Rede
Latino-americana de Mulheres na Arte Contemporânea), Argentina; CATA (Centro de Antropologia Teatral, Argentina)

Estreado em Maio de 2019, no Odin Teatret, Hosltebro, Dinamarca (Festival Transit).



Organizador

O Festival Eufémia procura responder à urgência de criar, em Lisboa, um projecto que acrescente visibilidade a iniciativas artísticas concebidas a partir de perspectivas de género de carácter interseccional. Para além disso, dá foco às complexidades que afectam os processos identitários, fundamentalmente os baseados na necessidade de transformar e superar opressões de carácter colonialista, racista, homofóbico, transfóbico e capacitista.

A segunda edição do Festival Eufémia: Perspectivas de Género e Identidades em Cena acontece de 31 de Outubro a 5 de Novembro de 2023, na Biblioteca de Marvila, no Auditório Camões e no Mercado de Culturas. A programação inclui propostas de pessoas com identidades diversas, que expressam, resistem e transformam a partir do compromisso de construir uma ligação entre a criação artística, a sua história pessoal e os contextos sociais e políticos concretos em que estão inseridas. O programa está, assim, sustentado em dramaturgias que abordam temas como a cosmovisão andina, a história de mulheres palestinianas no exílio ou processos de “auto-ficção” que destacam a potência performativa de corpos dissidentes.

Através de uma programação descentralizada, que apresenta espectáculos de teatro, performances, concertos, formações, diálogos e mostras de fotografia, o festival sublinha o reconhecimento de vozes e corpos plurais, bem como a necessidade de desenvolver uma sensibilidade cada vez mais empática e equitativa para com a diversidade.


FICHA TÉCNICA

Conceito, Programação e Produção – Grupo Eufémias: Poliana Tuchia, Pepa Macua, Catarina Sobral, Elsa Maurício Childs, Mafalda Alexandre, Catarina Amaral

Coordenação Técnica: Joana Rodrigues

Design Gráfico: Sofia Dias

Assessoria de Imprensa: Levina Valentim

Assistência de Produção: Linda Rosa Campos

Registo Fotográfico e Vídeo Promocional: Beth Freitas

Registo Audiovisual: Maurício Centurión

Banda Sonora: Poliana Tuchia e Chaya Vazquez

Produção: Eufémias

Parcerias Institucionais: República Portuguesa - Cultura/Direcção-Geral das Artes, Câmara Municipal de Lisboa e IBERESCENA

Parcerias Media: Antena 1, Antena 2, Coffeepaste, Agenda LX, Comunidade Cultura e Arte

Apoios: Biblioteca de Marvila, Escola Secundária de Camões, Junta de Freguesia de Arroios, Grupo Comunitário Quarto Crescente, Polo Cultural Gaivotas-Boavista, Sociedade Musical 3 de Agosto.


Local

Biblioteca de Marvila, R. António Gedeão, 1950-374 Lisboa

FAQ

  • Não recebi o meu bilhete por email. O que devo fazer?

    A primeira coisa a fazer é verificar os seus filtros de spam/lixo e caixas de entrada. Os seus bilhetes foram enviados como anexos e podem ser considerados spam por alguns serviços de email. Alternativamente, pode sempre encontrar os seus bilhetes na sua conta Billetto à qual pode aceder pelos navegadores ou através da app dedicada Billetto. Para mais ajuda sobre este tópico, leia aqui.

  • Desejo a cancelar o meu bilhete e receber um reembolso. O que devo fazer?

    A aprovação de reembolsos fica inteiramente a critério do organizador do evento, e você deve entrar em contacto com o organizador do evento para discutir que opções estão disponíveis para si. Para entrar em contacto com o organizador do evento, basta responder ao seu email de confirmação do pedido ou usar o formulário "Contactar organizador" no perfil do organizador. Para mais ajuda sobre este tópico, leia aqui.

  • Já me inscrevi na lista de espera, o que acontece agora?

    Se forem disponibilizados mais bilhetes, será notificado (por email) entre outros que se juntaram à lista. A compra é por ordem de chegada. Para mais informações, leia aqui.

  • Onde encontro um link para um evento online?

    Consulte a página de confirmação do pedido ou o email de confirmação do pedido. Normalmente, o organizador do evento fornece os detalhes no email de confirmação do pedido ou pode enviar um email de acompanhamento com um link para o evento online. Também pode ler a descrição do evento na Billetto, onde um organizador do evento deve descrever como participar no evento online. Para mais informações sobre este tópico, leia aqui.

  • O que é a proteção contra reembolso e por que eu precisaria dela?

    A Proteção de Reembolso oferece-lhe a garantia de, se circunstâncias imprevistas e inevitáveis interferirem na sua capacidade de participar de um evento, poder solicitar um reembolso. Para mais informações sobre este tópico, leia aqui.